carnaval


ontem, saíram dois dos blocos mais tradicionais do carnaval carioca: o suvaco do cristo e o escravos da mauá. já há alguns anos que o suvaco não divulga o horário de seu desfile e começa mais cedo para que fique menos lotado e menos tumultuado. agora, parece que o escravos adotou a mesma política e pôs o bloco na rua mais cedo

sabe, eu até entendo a preocupação deles, e mesmo eles fazendo isso ainda há gente suficiente para garantir que os blocos sejam um sucesso… a estimativa de publico no suvaco foi de 10 mil. o q me deixa grilado é: o carnaval nao é uma festa popular? a intençao nao é deixar o povo se divertir e curtir à vontade, fazer zona?

até uns 7 ou 8 anos atrás, reclamava-se q ninguém pulava carnaval no rio, q os blocos estavam desprestigiados. agora já chegamos no ponto q precisamos de menos gente nos blocos? q doideira! tá aí, é a elitizaçao do carnaval. nada contra o suvaco e o escravos e os outros varios blocos q adotaram esse esquema; eles têm seus motivos e eu continuo curtindo todos eles, e os q eu conseguir descobrir o horario, vou comparecer

só espero q o simpatia, meu favorito, nao apronte dessas no domingo… no sabado, segundo consta, saiu na hora certa

o comandante da policia é recebido a tiros na vila cruzeiro. foram 17 mortos, 56 feridos e apenas 10 presos em todo o tempo de ocupaçao da vila cruzeiro e complexo do alemao.

nao é hora de reconhecer a derrota, recuar e repensar a estrategia? fala-se tanto sobre como os eua tem de fazer isso no iraque, mas aqui essa ofensiva é perdoada. queria q a classe media-alta pensasse: se os traficantes q a policia está encurralando estivessem em predios em ipanema e leblon, será q os moradores tolerariam essa invasao de seus edificios e tiroteios em suas escadas, elevadores e janelas? vivemos nessa bolha de segurança, cada vez mais patrulhada, e tiramos uma das poucas fontes de renda dos pobres

nao sou pró-trafico, mas precisa ser visto o lado das comunidades ao redor dele. cade o debate em torno de oportunidades iguais pra quem sai da periferia? o debate em torno da educaçao publica durou uma semana e já foi deixado de lado. todo mundo ja foi solto na operaçao furacao. agora, teremos uma cpi do carnaval!!! mas quem se importa com o povo?

vc mata um traficante, aparece outro, é como a hydra, como a medusa. a casamata q a PM explodiu nao foi reconstruída em uma semana? a soluçao nao é explodir o trafico, é esvazia-lo. só q ngm vai parar de consumir drogas. entao cade o debate da legalizaçao e descriminalizaçao q o sergio cabral sugeriu? nao dá pra fazer uma experiencia de 1 ano?

sei lá, só acho q passou da hora de buscar otras alternativas. exercito e guerra claramente nao estao funcionando, só estao piorando. tá na hora de se admitir a propria culpa em criar um mundo em q a unica alternativa é o crime

agora q a policia resolveu prender tudo quanto é bicheiro, já surge logo o boato: a Beija-Flor comprou o título do Carnaval deste ano. maneiro q a reportagem e o nosso “bravo” delegado falam q “há indícios” mas nao explicam nada, nao dão nenhum detalhe a mais. grande jornalismo investigativo…

Pra mim, o mais estranho disso tudo é q, puxa, mas este ano a vitória deles foi merecida! todo ano a Beija-Flor recicla enredo, recicla carro, recicla tudo e estranhamente vence; na primeira vez q a gte concorda, é roubado? sacanagem! num dá pra confiar em nada mesmo