segundo o G1, o leblon é o bairro com mais assaltos a transeuntes (adoro essa palavra) na cidade

olha, eu acho essa estatistica mto esquisita. o policiamento neste bairro aumentou mto desde dezembro, os caras devem ser realmente densos ou mais preocupados em achar playboys com drogas pra receber propina… pq sempre tem viatura passando, sempre tem policial por aí

agora, oq eu acho engraçado sao os comentarios dos leitores, como sempre indignados e mandando msgs questionando as autoridades, mas como eu sempre pergunto, e aí, vao ficar ae só falando? q tal botar a mao na massa tbm? nao, nao to falando de outra passeatazinha inutil dizendo “basta”, q tal vcs entao formarem sua propria vigilancia? ah, nao, suas unhas preciosas acabaram de ser feitas no manicure e vcs sao mto ricos pra fazer algo a respeito, né? e eu nao to falando das peruas nao, to falando dos playboys q pagam pra deixar suas putinhas-trofeu bunitinhas e q estao firmemente na era do homem “metrosexual”

como eu sempre digo, todo mundo adora reclamar mas ngm ousa pensar q esse “estilo de vida lebloniano”, q celebra ostentaçao e incentiva inveja e cobiça, é uma das causas da violencia no bairro. ngm olha pro proprio umbigo, ngm pensa em cortar o mal pela raiz. já ouvi mta gente dizer q “era melhor explodir logo o morro e a cruzada”, no conforto de suas reunioezinhas particulares c/seus amigos de classe media. e depois nao entendem pq sao assaltados

nao é só gentileza q gera gentileza. desprezo gera desprezo, odio gera odio, violencia gera violencia. podem jogar qtos policiais vcs quiserem em cima dos criminosos. isso so vai aumentar a ira. “ah, vc ta sugerindo q entao a gte deixe-os roubar entao?” claro q nao. apenas vamos focar em tornar a sociedade em uma verdadera sociedade, precisa-se de oportunidades iguais. o foco tem q ser nisso, nao apenas no sufocamento da violencia

esse assunto me deixa mto puto e exaltado, pq infelizmente eu estou na minoria. nem todo mundo pensa o outro lado. qdo eu leio esses comentarios dizendo sobre “vergonha de morar num lugar violento”, eu discordo. eu nao tenho vergonha de morar no rio por causa da violencia; eu tenho vergonha de morar no rio pq é um lugar onde as pessoas estao mais preocupadas com seu status do q com as outras

Anúncios